Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável - Pra Quem Tem Estilo

Post Top Ad

segunda-feira, 8 de abril de 2019

Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável

Deixe o consumismo de lado e 

adote 

um guarda roupa sustentável.


Qualquer mudança que queiramos no mundo começa efetivamente por nós. E quando o assunto é moda sustentável, ela começa pelo nosso guarda roupa.

Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável

Você sabia que a indústria têxtil é uma das maiores poluidoras do mundo. Daí cada vez mais se reforça a importância de se ter um guarda-roupa sustentável e duradouro.
Isso porque, todos os anos toneladas de roupas são descartadas causando grande impacto ao meio ambiente.
Assim, a moda sustentável é uma alternativa para o consumo consciente, já que busca respeitar o meio ambiente e também atenta para uma produção mais humanizada.
Na moda sustentável há a preocupação por uma produção mais humanizada, em que são usados tecidos orgânicos em que o cultivo é feito sem o uso de pesticidas e inseticidas, corante natural e a  produção é feita sem acelerar o processo.

Este tipo de produção vai à contramão do que ocorre com as fast fashions em que as roupas são produzidas em larga escala utilizando a mão de obra de trabalhadores de países subdesenvolvido, que recebem cerca de 2 a 3 dólares por dua e trabalham em condições precárias. Por conta dessa relação de produção que o custos das peças são reduzidos.
Outro ponto que a moda sustentável e o consumo consciente valorizam é que a compra da roupa seja feita para ser usada por um longo tempo e muitas vezes, já que as peças costumam ter muito mais utilidade do que realmente aproveitamos.



Muitas vezes, as roupas que usamos são feitas de tecidos, como o elastano, poliéster e viscose, que são altamente danosos ao meio ambiente, por serem uma fibra artificial derivada do petróleo que demora muito tempo para de decompor e ainda emite gases tóxicos nessa decomposição.


Mas por onde começar?



Separamos algumas 13 dicas que podem ajudar nesse processo.


1. Quantas vezes você vai usar essa roupa?


Um teste infalível na hora de a adotar uma moda sustentável é comprar com mais consciência. Ou seja, compre apenas a peça de roupa que você tem certeza absoluta que vai usar. 

Perguntar a si mesma (o) ‘Eu vou usar essa peça pelo menos 30 vezes?’. Se a resposta for um confiante ‘sim!’, compre à vontade. Caso contrário, você já sabe o que fazer.

Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável



2.Desapegue

Para montar um guarda-roupa sustentável e duradouro o primeiro passo é desapegar daquilo que você não usa ou não precisa mais.
A gente sempre guarda uma peça de roupa pensando que vai voltar à moda, emagrecer para voltar a caber ou vai usar outra vez, mas a verdade é que acaba ocupando espaço e você fica com um armário cheio de peças que não são úteis.




Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável
Desapegar daquilo que não se usa mais é o primeiro passo para ter um guarda-roupa sustentável e duradouro.



Assim, guarde em seu guarda-roupa somente aquilo que você usa com frequência e que é versátil.



Uma boa dica para arrumar o guarda-roupa de forma usual e prática é se fazer as seguintes perguntas?
  • Qual foi a última vez que usei?
  • Essa peça me serve?
  • Está em condições de uso? Sem furos ou outros danos?
  • Quantas combinações posso fazer com essa peça?
Com as respostas dessas perguntas você vai conseguir definir melhor o que usa com frequência daquilo que está apenas ocupando espaço em seu guarda-roupa.Ao desapegar das roupas que você não usa e doar ou colocar para vender em um bazar você está colocando em prática a teoria sustentável dos 3R, que diz que devemos: Reutilizar, Reciclar e Reduzir.

3.Informe-se!

Nos dias de hoje, é praticamente impossível você falar que não sabe como descobrir se uma marca é sustentável ou não. O truque é pesquisar e se informar antes de fazer uma compra. Existem marcas que são igualmente transparentes e preocupadas com o meio ambiente. 

4. Conheça seu estilo

É extremamente importante você conhecer o seu estilo para, a partir daí, compor um guarda roupa com peças realmente úteis e funcionais.


Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável
Descubra seu estilo para montar seu guarda-roupa só com peças que você vai usar muito.

Esta é uma forma de você direcionar seu interesse e ter em seu armário peças que são a sua cara e que vão ser muito usadas.




5. Experimente os brechós

Os brechós de Instagram já viraram uma sensação entre as mulheres, mas existem inúmeros brechós pela cidade que você pode conhecer e procurar por roupas que vão colaborar para um guarda-roupa consciente. É hora de deixar de lado esse tabu com ‘roupas antigas’ e abrir a mente para a ideia de encontrar verdadeiros achados de moda em brechós de bairro e até aqueles de Igreja, criados para arrecadar fundos.

6. Tenha peças chaves para guarda-roupa sustentável e duradouro

Para que sua roupa tenha maior usabilidade, na hora de comprar pense em peças que seja possível fazer diversas combinações.
Em geral, peças básicas podem ser coordenadas com outras complementares com bastante sucesso.
Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável
A mesma peça em 3 look's diferentes

7. Monte um guarda-roupa atemporal


Ter um armário atemporal significa que as suas roupas não estão ligadas a uma tendência que muda com o tempo - ou seja, independentemente da época, o seu closet continua válido. O atemporal varia de pessoa para pessoa, mas o mais importante é lembrar que essas peças não duram uma única estação (ou seja, não são tendências). Elas ultrapassam qualquer barreira de tempo e se mantém relevantes não importa a estação ou do que está bombando nas passarelas. Isso significa que você evita comprar roupas que vão durar pouquíssimo no seu armário e serão descartadas depois.


Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável
Peças essenciais e atemporais





8. Arrume o armário de forma que você tenha maior visualização

Ter um armário abarrotado de roupas não quer dizer que você vai ter muitas opções na hora de sair.

Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável
Organize seu guarda-roupa de forma que você consiga ver tudo que tem com facilidade.

Isso porque, quando o armário está cheio você acaba não sabendo exatamente tudo que tem e acaba usando sempre as mesmas peças.
Assim, organize as roupas de forma que fiquem visíveis e de fácil acesso.


9. Cuide das suas roupas

Esse é um detalhe importante. Adotar uma moda sustentável significa comprar menos roupas - por isso, você precisa cuidar bem do que tem. Preste atenção às recomendações de lavagem, guarde as suas peças do jeito correto e preste atenção ao manuseio. Não custa dar aquele passo a mais para que elas durem bastante.

Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável





10. Invista em peças 
duradouras

A moda não deve ser vista como algo 
descartável, já que é preciso levar 
em consideração tanto os 
impactos ambientais quanto 
sociais causados pela
 indústria têxtil.


11. Procure uma boa 
costureira

Muitas vezes, nós descartamos
 uma roupa porque perdeu um botão, 
ficou larga ou apertada demais, 
com a barra desgastada ou alguns 
fios soltos. Procure uma boa 
costureira para levar aquelas 
peças que precisam de pequenos 
reparos e dê  nova vida para esses 
modelos - isso também 
colabora para a durabilidade 
de uma roupa.

12.Tenha em mente a 
fórmula 4×1


Como o contato visual na
 maioria das vezes é feito da 
cintura pra cima, muitas vezes 
as pessoas nem 
percebem a peça que 
você está usando 
na parte de baixo.
Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável


Desse modo, para cada 
quatro peças de cima, 
é indicado que você 
tenha 1 peça de 
baixo que combine.


Para 4 peças de cima,
 tenha uma peça de baixo. 
Esta é uma técnica eficaz 
para quem deseja 
ter um guarda-roupa 
sustentável e duradouro.

Fazendo este tipo de 
combinação, é possível 
multiplicar a probabilidade 
de look's e usar 
muito cada pela.



13. Repense como 
você gasta 
o seu dinheiro


Se a meta é um guarda-roupa
 sustentável, então 
você vai precisar repensar a 
forma como gasta o 
seu dinheiro. Agora, como 
a qualidade é mais 
importante do que a 
quantidade, você vai fazer 
investimentos em peças que 
vão durar mais tempo 
e se encaixam na sua noção 
de um estilo atemporal. 
Comprar várias blusinhas numa 
ida ao shopping não 
é mais uma opção. Ao invés disso, 
guarde esse 
dinheiro para comprar uma camisa 
de qualidade 
que você gostou muito ou aquela
 jaqueta incrível 
que você está namorando 
há um tempo.


Confira: 13 dicas de como ter um guarda-roupa sustentável

Como você pode perceber, 
ter um
 guarda-roupa sustentável
 e duradouro além de facilitar
 a sua vida também vai fazer 
com que você gaste mesmo 
comprando roupas. Faça a
 conciliação do seu estilo de 
vida com sua criatividade 
para montar produções 
incríveis e que tenham 
como propósito ser contra 
ao desperdício e acúmulo.


Então não esquece de compartilhar 
com as amigas através do link que 
pode ser enviado pelo whatsapp!!!    

Beijoksss!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia também: